terça-feira, 29 de dezembro de 2009


A muralha gélida
construída outrora em minh'alma
hoje, dissolve-se em flocos de neve
derretidos pelo sol escarlate de dezembro
inundando o jardim quase morto em mim
donde, agora, nascem lírios de alegria
girassóis de paixão
e violetas perfumadas de suave saudade.

Foto by Adriana Tamborini: Varano Borghi - Itália
Texto: Ane Montarroyos